É possível fazer um empréstimo com o nome sujo?

Enviado em qui, 10/15/2020 - 13:21
Empréstimo para negativado

É possível conseguir um empréstimo mesmo que você esteja com o nome sujo. Muitas vezes, quem está negativado precisa de uma ajuda para colocar as contas em ordem. Alguns especialistas, inclusive, recomendam aos consumidores que troquem uma dívida com juros altos por outra mais barata. Para quem é funcionário público, aposentado ou pensionista do INSS ou ainda trabalhador de empresa privada que tenha convênio com uma instituição financeira, a melhor opção costuma ser fazer um empréstimo consignado. Nessa categoria, as parcelas do crédito são descontadas diretamente na folha de pagamento e, por isso, a chance de inadimplência é menor e, consequentemente, os juros tendem a ser mais baixos.   

Tem algum banco que faz empréstimo com o nome sujo?

Alguns bancos firmaram convênios com fontes pagadoras para poder oferecer o crédito consignado. Essa é a melhor modalidade de crédito para quem está com o nome sujo e quer tentar um empréstimo. Uma dica é procurar os bancos que têm convênio com sua empregadora e, no caso de conseguir o crédito, comparar o CET (Custo Efetivo Total) de todos para escolher a melhor opção.   

Qual a melhor empresa para fazer empréstimo para negativado?

Há instituições financeiras que se especializaram em oferecer crédito para quem está negativado, mas é preciso ficar bastante atento às taxas de juros, que tendem a ser altas. É essencial comparar os valores totais antes de fechar qualquer novo empréstimo e procurar a melhor opção entre as que oferecem dinheiro para quem está com o nome sujo. . 

Onde posso pegar dinheiro emprestado com o nome sujo?

Pegar dinheiro emprestado mesmo com o nome sujo é uma realidade possível principalmente para quem tem um ganho fixo, seja como funcionário público, privado ou pensionista. Mas é importante lembrar que as instituições financeiras não são obrigadas a conceder crédito a ninguém, esteja com ou sem restrição no CPF. Quem está negativado precisa procurar as instituições financeiras e descobrir quais são suas condições para pegar o dinheiro. 

Você gostou deste conteúdo?

Subscreva a nossa newsletter para receber aconselhamento financeiro todos os meses.