O que são os juros moratórios?

Enviado em sab, 05/14/2022 - 02:53
O que são os juros moratórios?

Os juros moratórios são proporcionais e cobrados sobre o valor da parcela. Ou seja, se você efetuou um empréstimo e atrasou o pagamento em um único mês, os juros serão cobrados somente sobre o montante daquele mês referente.

Como calcular os juros moratórios?

A incidência dos juros moratórios é determinada pelo Código Civil e do Código Tributário Nacional, no qual limita a cobrança de 1% do valor da dívida ao mês. Ou seja, para cada dia de atraso é preciso acrescentar o percentual de 0,033333%, considerando um mês de 30 dias.

Como fazer cálculo de juros ao mês?

Vamos imaginar que pegou emprestado R$ 1.000,00 e a taxa de juros é de 5% ao mês. E terá 4 meses para devolver o empréstimo com os juros. Neste cálculo é como se um valor fixo fosse adicionado em cada parcela.

Primeiro, você multiplica o valor do empréstimo inicial com a porcentagem de juros:

1000 x 0,05 = 50

Então, R$ 50,00 é o valor dos juros que será adicionado a cada parcela mensal que você irá pagar até devolver todo o valor inicial.

Ou seja, será sempre uma parte dos R$ 1.000,00 emprestado + R$ 50,00 de juros. No caso do pagamento em 4 meses, dividimos o valor inicial do empréstimo (R$ 1.000,00) em 4 partes e adicionamos a taxa de juros, ficando dessa forma:

  • Primeiro mês: 250 + 50 = R$ 300,00
  • Segundo mês: 250 + 50 = R$ 300,00
  • Terceiro mês: 250 + 50 = R$ 300,00
  • Quarto mês: 250 + 50 = R$ 300,00
  • Total do valor devolvido com os juros: R$1.200,00
  • Como calcular juros de 1% ao mês? H3
  • Utilize a fórmula dos juros simples:
  • Juros = capital X taxa X tempo

J = C x i  x  t

Como calcular multa de 2% e juros de 1% ao mês?

Para exemplificar, vamos usar uma conta de R$ 500,00:

  1. 500,00 X 2% = R$ 10,00 (multa). Valor total do pagamento, com a multa: R$ 510,00.
  2. Juros de 1% ao mês 30 dias = 0,033% ao dia. ...
  3. R$ 500,00 (valor do boleto) + R$ 10,00 (valor da multa) + 1,65 (valor dos juros por atraso) = R$ 511,65 valor final cobrado.

O que é juros moratórios por 30 dias?

Isso quer dizer que, a cada 30 dias ou um mês, soma-se, no máximo, 1% do valor total do boleto ao que deveria ser pago a princípio. Esse valor é acrescido proporcionalmente ao número de dias em atraso. Geralmente o valor é de 0,33% ao dia.

Quais são os juros moratórios legais?

Juros moratórios legais são aqueles fixados por lei. Eles incidem quando uma norma do ordenamento assim o determina. Paralelamente, quando as partes convencionam a incidência de juros, mas não estipulam taxa para tanto, esta será equivalente àquela fixada pela lei.

Qual a diferença entre juros moratórios e compensatórios?

Juros moratórios decorrem do inadimplemento do débito e incidem a partir da mora, isto é, do atraso no pagamento. E juros compensatórios referem-se a uma compensação pela utilização consentida do capital alheio.

O que são os juros compensatórios?

São os juros efetivamente pagos pela financiada. Em caso de contrato firmado com o benefício da equalização, eles são o resultado líquido da redução dos encargos totais pela taxa de equalização.

É possível cumular juros compensatórios com juros moratórios?

É possível a cumulação entre juros moratórios e compensatórios, tendo o Superior Tribunal de Justiça entendimento pacificado de que "a incidência dos juros moratórios sobre os compensatórios, nas ações expropriatórias, não constitui anatocismo vedado em lei" (Súmula 102/STJ).

Qual a diferença entre juros e juros de mora?

Juros são a remuneração cobrada pelo empréstimo de dinheiro. A lei estabelece que os juros sejam cobrados por dia de atraso.

Já os juros de mora aparecem exatamente quando existe atraso no pagamento de alguma conta. Eles são cobrados sobre o valor em aberto e aumentam conforme o atraso no pagamento – em outras palavras, quanto mais tempo uma conta ficar em aberto depois de seu vencimento, mais a pessoa pagará de juros.

Como calcular a atualização monetária e juros de mora?

De forma geral, o princípio de como atualizar juros e correção monetária é sempre de multiplicar o fator acumulado do determinado índice no período para encontrar o novo valor. Se essa correção, por exemplo, for de 10%, basta calcular o quanto esse percentual dá sobre o montante inicial e acrescê-lo para obter o valor final.

Para fazer o cálculo de juros de mora, considere que a taxa máxima dessa cobrança é de 1% do valor da dívida ao mês. Quando o atraso for menor do que 30 dias, o cálculo será feito de forma proporcional: 0,0333% por dia de atraso, multiplicado pelo valor da parcela.

Como calcular juros por dias de atraso?

Para fazer o cálculo, deve-se considerar que o mês possui 30 dias e cada dia terá uma porcentagem diária de multa de, no máximo, 0,033%. Essa porcentagem deve ser multiplicada aos dias de atraso. Por exemplo, se forem 10 dias, 10 vezes 0,033%, cujo resultado é 0,33%.

Você gostou deste conteúdo?

Subscreva a nossa newsletter para receber aconselhamento financeiro todos os meses.