Como deixar de usar o cartão de crédito?

Submitted by Maico Sullivan on qui, 04/23/2015 - 14:22
Você tem muitos cartões e não sabe o que fazer? Leia estas dicas
cartões de crédito

Um colega me questionou sobre como proceder em sua organização financeira com o intuito de deixar de usar o cartão de crédito. Ele mencionou que possuía algo em torno de 8 cartões, que tinha um relacionamento muito bom com as empresas em questão e que, não tinha a intensão de se desfazer porque em algum momento poderia necessitar.

A questão aqui é o “e se”. Quando decidimos rever nossa posição em relação ao uso consciente do crédito é preciso considerar uma coisa: foco e disciplina. Por mais que você tenha uma relação longa com empresas, estamos falando da sua saúde financeira. E vai depender da sua disciplina quanto ao usar ou não o cartão.

Minha sugestão neste caso é:

  • Análise as vantagens e desvantagens que cada cartão lhe proporciona. Você tem algum plano de fidelidade para trocar por prêmios? Paga anuidades para ter os cartões? Esse cartão é aceito em vários estabelecimentos ou está restrito ao emissor?
  • Avalie os limites de crédito. Atendem suas necessidades? Estão dentro do projetado para seu orçamento? Sem o limite desse cartão, pode comprometer algum plano específico? Esse limite pode ser um risco para sua saúde financeira – no caso de um possível descontrole?

Sobre ter vários cartões, se você é uma pessoa disciplinada e possui um bom planejamento financeiro (o qual segue corretamente) não vejo problemas. Se estas características estão fora do seu perfil, é hora de rever as coisas. Lembre-se que algumas vezes concentrar seus gastos em um único cartão de crédito pode ser ainda mais vantajoso.

Agora, se o seu objetivo é realmente parar de usar o plástico e iniciar uma vida apenas com compras à vista, o remédio é único, com um sabor amargo no início, mas gera resultados no longo prazo. Quebre todos os cartões, pague as faturas e espere seu fluxo de caixa estabilizar. O tempo para ajuste no seu fluxo de caixa dependerá do número de faturas que você terá de pagar.

___________________________________________________________

Por Maico Sullivan, consultor e educador financeiro | @sullivanmaico