Renda, planejamento e porque você não está de carro zero

Submitted by Maico Sullivan on qua, 08/27/2014 - 18:37
Quais são os seus motivos para guardar dinheiro? Você sabe gastar bem? Qual é seu perfil? Veja as respostas dessas e outras perguntas nesse novo post do nosso amigo Maico Sullivan, e defina de uma vez por todas o seu planejamento financeiro.
Faça já o  seu planejamento financeiro

Recentemente estive trabalhando em um workshop de finanças pessoais, onde obtive vários resultados (bons e ruins). Primeiramente, vejo um avanço na filosofia de pequenas empresas que investem no desenvolvimento do conhecimento em finanças pessoais, ajudando seus funcionários e familiares a poder fazer muito mais do que gastar tudo o que ganham.

Mas neste workshop acabei levantando dados desconfortáveis sobre as finanças pessoais dos participantes. A grande maioria vive com mais de 50% do salário comprometido com despesas fixas. Isto faz com que percam oportunidades profissionais bem como investimentos. E para sair dessa mesmice, impossibilita que façam coisas mais agradáveis, como viajar. Outro ponto é que aqueles que possuem um baixo índice de endividamento não sabem o que fazem com o salário, ou seja, gastam seus rendimentos de maneira esbanjadora, deixando de criar qualidade de vida e agregar valor as suas experiências.

No fim de tudo, o que o evento mostrou aos participantes pode ser resumido em 3 grandes pontos:

Não comprometa mais do que 40% da sua renda: Ao adquirir um índice de endividamento tão alto a pessoa perde a liberdade de tomar decisões mais livremente. O fato de ter grande parte do orçamento comprometido também inibe a capacidade de gastar o dinheiro com coisas que tragam valor, experiências e maior qualidade de vida.

Planeje sua vida financeira com base em objetivos sólidos: Planejar por apenas planejar não é o caminho a ser seguido quando o assunto é finanças pessoais. O importante é que a pessoa tenha objetivos a serem atingidos, e que busque atingi-los de verdade. Quando se inicia um planejamento sabendo qual o destino do mesmo a coisa fica mais fácil e divertida.

O objetivo é seu e de mais ninguém: Finanças pessoais não são apenas gastar menos do que se ganha e investir 10% do salário para aposentadoria.Planejamento financeiro é orientar suas decisões com foco em seus sonhos. Não importa se o sonho seja estudar fora, viajar, comprar um carro, fazer uma tattoo ou simplesmente festar mais com os amigos. O importante é realizar sonhos e ter uma vida equilibrada: Nem esbanjador nem avarento. Pense no futuro sem deixar de viver o presente. Viva o presente sem deixar de pensar no futuro.

E você? Já começou seu planejamento financeiro?

Maico Sullivan | Especialista em finanças
Twitter: @sullivanmaico
www.ideiasefinancas.com.br