Como calcular juros simples e juros compostos?

Enviado em seg, 03/21/2022 - 04:08
Como calcular juros simples e juros compostos?

Juros simples: é um acréscimo calculado sobre o valor inicial de uma aplicação financeira ou de uma compra feita a crédito, por exemplo.

O valor inicial de uma dívida, empréstimo ou investimento é chamado de capital. A esse valor é aplicada uma correção, chamada de taxa de juros, que é expressa em porcentagem.

Os juros são calculados considerando o período de tempo em que o capital ficou aplicado ou emprestado.

Fórmula para juros simples:

J = C x i x t

J:  juros simples

C: capital inicial

i: taxa de juros

t: tempo da aplicação

Atenção: a taxa de juros deverá estar escrita na forma de número decimal. Para isso, basta dividir o valor dado por 100, antes de colocar na fórmula. Além disso, a taxa de juros e o tempo devem se referir à mesma unidade de tempo (dia, mês ou ano).

Juros Compostos: são calculados levando em conta a atualização do capital, ou seja, o juro incide não apenas no valor inicial, mas também sobre os juros acumulados (juros sobre juros).
Esse tipo de juros, chamado também de “capitalização acumulada”, é muito utilizado nas transações comerciais e financeiras (sejam dívidas, empréstimos ou investimentos).
Para calcular os juros compostos, utiliza-se essa expressão:

M = C (1+i)t

M: montante

C: capital

i: taxa de juros

t: tempo

Se pretendemos calcular somente os juros, aplicamos a seguinte fórmula:

J = M - C

Atenção: para substituir na fórmula, a taxa de juros deverá estar escrita na forma de número decimal. Para isso, basta dividir o valor dado por 100 (ex: forma de número decimal de 3% fica = 0,03). Além disso, a taxa de juros e o tempo devem se referir à mesma unidade de tempo (dia, mês ou ano).

Qual a diferença entre juros simples e juros compostos?

De modo geral, os juros simples são calculados de acordo com o valor total da operação e são mais comuns nas transações diárias. Já os juros compostos, também chamado de juros sobre juros, são calculados sobre o valor total da operação + o valor dos juros simples, e são comuns em investimentos de longo prazo.

Qual a fórmula de juros simples?

J = C × i × t

J: juros simples

C: capital inicial

i: taxa de juros

t: tempo da aplicação

 A taxa de juros deverá estar escrita na forma de número decimal. Para isso, basta dividir o valor dado por 100, antes de colocar na fórmula (ex: forma de número decimal de 5% = 0,05). Além disso, a taxa de juros e o tempo devem se referir à mesma unidade de tempo (dia, mês ou ano).

Como calcular juros compostos exemplos?

Exemplo 1:
Se um capital de R$ 500 é aplicado durante 4 meses no sistema de juros compostos sob uma taxa mensal fixa que produz um montante de R$ 800, qual será o valor da taxa mensal de juros?

Sendo:

C = 500

M = 800

t = 4

Aplicando na fórmula M = C (1+i)t:

Uma vez que a taxa de juros é apresentada na forma de porcentagem, devemos multiplicar o valor encontrado por 100. Assim, o valor da taxa mensal de juros será de 12,5 % ao mês.

Exemplo 2:

Quanto receberá de juros, no fim de um semestre, uma pessoa que investiu, a juros compostos, a quantia de R$ 5.000, à taxa de 1% ao mês?
Sendo:

C = 5000

i = 1% ao mês (0,01)

t = 1 semestre = 6 meses

Substituindo, temos:

M = 5000 (1 + 0,01)6

M = 5000 (1,01)6

M = 5000 . 1,061520150601

M = 5307,60

Para encontrar o valor dos juros devemos diminuir do montante o valor do capital, assim:

J = 5307,60 - 5000 = 307,60

O juro recebido será de R$ 307,60.

Como fazer cálculo de juros ao mês? H2
Essa é a fórmula:

J = C × i × t

Sendo que o J são os juros simples e o C é o capital. O i é a taxa de juros e t é o tempo.

J: juros simples

C:  capital inicial

i : taxa de juros

t :  tempo da aplicação

Como calcular juros de 1% ao mês?

Primeiro, transforme o juros em valor decimal ao dividir por 100: 1/100 = 0,01.
Depois, multiplique 0,01 X capital X tempo.

Como calcular juros simples exercícios?
Exemplo 1:
Quanto rendeu a quantia de R$ 1.200, aplicado a juros simples, com a taxa de 2% ao mês, no final de 1 ano e 3 meses?
Sendo:

C = 1200

i = 2% ao mês = 0,02

t = 1 ano e 3 meses = 15 meses (tem que transformar em meses para ficar na mesma unidade de tempo da taxa de juros)

J = C . i . t = 1200 . 0,02 . 15 = 360

Assim, o rendimento no final do período será de R$ 360.

Exemplo 2:

Um capital de R$ 400, aplicado a juros simples com uma taxa de 4% ao mês, resultou no montante de R$ 480 após um certo tempo. Qual foi o tempo da aplicação?
Considerando:

C = 400

i = 4% ao mês = 0,04

M = 480

Você gostou deste conteúdo?

Subscreva a nossa newsletter para receber aconselhamento financeiro todos os meses.