Blog de Dicas

Comprar um carro está na lista de sonhos de muita gente, mais nem sempre o sonho é possível e geralmente é por falta de conhecimento, ou seja, para realizar o sonho de comprar um carro é preciso entender tudo que tem a ver com o tema. Por isso fique atento às nossas dicas.

Muitas pessoas aproveitam o período do final do ano para programarem uma série de mudanças para sua vida. Grande parte das pessoas tem um objetivo ligado à sua vida financeira: liquidar uma dívida, adquirir um bem, começar uma poupança. E como alcançar esses objetivos? Refletindo e mudando os hábitos financeiros. Em outras palavras, aumentando a educação financeira.

O sonho da casa própria está muito presente nas famílias brasileiras. Com alguns programas governamentais, como o Minha Casa Minha Vida, e com a melhoria da renda de grande parte da população brasileira, foi estendido para classes sociais que se achavam distante desse sonho.

Sempre recebo perguntas sobre vários temas, mas a pergunta que bate todos os recordes é “como faço para solicitar um financiamento imobiliário?”.

E hoje resolvi falar um pouco sobre o assunto.

Uma das ferramentas mais polêmicas na gestão financeira familiar é o cartão de crédito. Há quem condene seu uso, há quem defenda. Mas o que todos concordam é que, cartão de crédito sem planejamento financeiro é problema certo.

“Tenho em mim todos os sonhos do mundo”. Esta frase foi escrita pelo poeta Fernando Pessoa e representa algo comum a quase todas as pessoas. Ao longo de uma vida, muitos são os sonhos imaginados, mas poucos são aqueles realizados. Para mudar essa realidade, entra em cena o planejamento financeiro. É muito bom sonhar algo, mas melhor ainda é a sua realização.

Os economistas do SPC Brasil afirmam que estar com o CPF negativado traz uma série de dificuldades na vida particular e profissional, como estar impedido de comprar em parcelas ou abrir contas em banco, enfrentar obstáculos na hora de financiar um carro ou uma casa e até mesmo conseguir um espaço no mercado de trabalho.

De uns anos para cá, ter TV por Assinatura tem se tornado cada vez mais comum. Me lembro que há uns 15 anos era uma questão de poder aquisitivo, ou seja, quem tinha um plano de TV por Assinatura era rico. Hoje o que vemos é que esse serviço está mais acessível e o numero de opções também cresceu muito.

A maioria das pessoas que se encontram endividadas tem muita dificuldade de encontrar uma saída para este grande problema. Não parece haver uma luz no fim do túnel. E acontece uma coisa ainda pior: tudo o que fazem acaba por agravar ainda mais a situação. O buraco vai ficando cada vez maior! Onde está o erro? Está na falta de planejamento.