Como eliminar as discussões sobre dinheiro

Submitted by Andrés Gutierrez on seg, 06/11/2012 - 00:00

Mito: Se minha mulher e eu falarmos sobre dinheiro, acabamos discutindo.
Verdade: Você nunca terá um relacionamento sólido até que vocês possam se comunicar e concordar sobre o dinheiro

O casamento não é uma parceria ou associação empresarial. "Você paga essas contas, eu pago aquelas outras." Separar as contas e o dinheiro é uma ideia muito ruim. O sacerdote ou pastor no casamento disse, "e agora irão se fundir em um ser ou uma só carne."

Ambos os cônjuges têm de se envolver com as finanças. Estaremos envolvidos em diferentes níveis. O mais meticuloso, cauteloso, econômico, o que chamo de espertinho pode tomar a iniciativa, mas deve envolver ao que gosta de gastar.

Se for casado e tem briguinha pelas finanças, é um casamento normal. Se este é um problema para você, isso também significa que oferece muitas oportunidades para melhorar seu relacionamento. Talvez possamos chegar a um ponto em que estamos de acordo com o dinheiro. E eu não estou falando de chegar a um acordo por força, mas por mútuo acordo conversar e entender o ponto de vista do outro.

Se estamos de acordo com o talão de cheques, a discussão só será quem lida com o controle da TV.

A realidade é que muitas pessoas estão com dificuldades financeiras, especialmente os casados que discordam com o dinheiro. Mas acredita-se impossível concordar sobre dinheiro, porque se esquece de corrigir as pequenas coisas que podem transformar um casamento que está sofrendo para se tornar num bem-sucedido.

Quando vocês têm problemas com seu dinheiro, vai com o vizinho para lhes dizer como resolver os seus problemas? É Claro que não. Não é o dever do vizinho men obrigação do governo de resolver os seus problemas. É sua responsabilidade de fornecer paz financeira para sua família. O maior passo para consertar tudo isso é sentar-se com o seu marido / mulher lidar e admitir que há coisas que precisam mudar.

Depois de por as crianças na cama, desligue a TV, sentar-se com o seu cônjuge para ter uma conversa agradável. Vamos colocar tudo na mesa: problemas de dinheiro, problemas de comunicação, problemas de confiança, o que seja. Deve ser aberto e honesto. Se vocês sabem como e que se sentem, então fica mais fácil de resolver juntos, como um casal.

Se a falta de um orçamento contribuiu para as discussões e problemas financeiros, eu tenho uma boa notícia: Não é difícil fazer um orçamento. Muitas pessoas têm dado uma má reputação, mas não é difícil. Um orçamento é simplesmente dizer o seu dinheiro o que fazer ao invés de perguntar para onde foi. Eles só precisam de um papel e um lápis.

Escreva detalhes quanto dinheiro vão ganhar juntos este mês. Se ganharam R$2,800 não colocar então R$3,000. Agora embaixo escrever as suas despesas: aluguel, eletricidade, despensa, vestuário, seguros, etc. Assim que perceber quanto é que sai e quanto é que entra é fácil de ajustar para não gastar mais do que ganha. É simples assim. A coisa mais difícil é desligar a TV e fazer isso. É preciso matemática 3 ª série.

Se fizerem isso, vocês irão assumir o controle do dinheiro e seus problemas com o dinheiro vai acabar. Vão ter uma melhor comunicação, confiança, paz e diversão muito mais em seu casamento.

Comentários