Como comparar taxas de juros entre bancos?

Enviado em sab, 07/31/2021 - 20:09
cosnignado

Comparar as taxas de juros entre os bancos é essencial para conseguir tomar dinheiro emprestado da maneira mais vantajosa possível. Com a ferramenta Compara Bem, é possível fazer essa comparação em segundos, apenas com algumas informações como renda mensal, valor a ser emprestado e tempo do contrato. 

Por que o banco cobra juros?

O banco cobra juros porque adianta o valor para quem toma o dinheiro emprestado. De maneira bem simplificada, os juros são uma taxa paga aos bancos pelo tempo que eles vão esperar para receber o dinheiro de volta do consumidor.

Mesmo tendo a taxa básica Selic como parâmetro, os índices variam muito de uma instituição financeira para outra e também de acordo com o risco da transação. Por exemplo, os juros do empréstimo pessoal, que não exige garantia, tendem a ser maiores que os do financiamento, no qual o bem adquirido entra como garantia do pagamento.     

Qual banco com a maior taxa de juros?

A taxa de juros varia bastante de acordo com o momento econômico do país e também com o perfil do tomador de crédito. A melhor maneira de saber qual o banco tem a maior taxa de juros é comparando as instituições financeiras que oferecem o tipo de empréstimo que você precisa. 

No Compara Bem, você faz essa comparação automaticamente, apenas informando alguns dados como valor a ser emprestado, prazo para pagamento e renda mensal. 

Por que o banco cobra diferentes taxas de juros para cada modalidade pesquisada?

As taxas de juros são diferentes porque os riscos envolvidos em cada transação também variam. Para o banco, é muito mais certo de que receberá o dinheiro que emprestou de volta em um empréstimo consignado, no qual as parcelas são descontadas diretamente na folha de pagamento, do que um empréstimo pessoal, que não tem nada como garantia. 

Qual é a taxa de juros que os bancos podem cobrar?

De acordo com o Banco Central, "em regra, as taxas de juros são livremente definidas pelas partes. Elas não são fixadas nem fiscalizadas pelo CMN (Conselho Monetário Nacional) ou pelo BC (Banco Central)", ou seja, o banco pode cobrar a taxa que julgar necessária e que o cliente aceitar pagar.

As exceções são os casos em que há leis que determinam um limite, como o financiamento imobiliário pelo SFH (Sistema Financeiro de Habitação), que não pode ter juros maiores que 12% ao ano, ou o consignado para beneficiários do INSS, com taxa máxima de 1,80% ao mês.

Qual banco tem a menor taxa de juros para empréstimo?

As taxas praticadas pelas instituições financeiras variam muito de tempos em tempos, por isso para saber qual banco tem a menor taxa de juros para empréstimo é preciso fazer uma pesquisa no momento que você for usar o dinheiro. 
No Compara Bem, você consegue fazer a simulação de seu empréstimo e descobrir qual a menor taxa para a sua necessidade.

Você gostou deste conteúdo?

Subscreva a nossa newsletter para receber aconselhamento financeiro todos os meses.